Já parou para perceber que o estereótipo da Super-Mãe (aquela que, além de cuidar dos filhos, trabalha fora, tem tempo para se cuidar e arrumar a casa) anda desaparecendo da publicidade?

A verdade é que o mercado da propaganda sempre foi um reflexo de sua época, e na metade do século XX as agências sugeriam como “desconstrução” do que é ser mulher e mãe retratar uma rotina sobrecarregada de tarefas, criando assim uma mãe utópica que nunca representaria uma realidade perfeita. E isso durou até há pouco tempo, hoje já sabemos muito bem que essa imagem é considerada um desserviço e representa um pensamento machista.

A onda de reposicionamento das marcas que está acontecendo há alguns anos ajudaram a eliminar alguns clichês e estereótipos antigos, sobretudo o que se refere à mulher. Por exemplo, pesquisas mostram que o consumo de cerveja entre mulheres é o mesmo comparado ao de homens, esses dados aliados ao fato de que a cabeça das pessoas em geral mudou tornaram urgente a mudança da comunicação desse setor. Afinal, as marcas não só desrespeitavam as mulheres, desrespeitavam 50% do seu target. É só olhar alguns anúncios de 5, 6 anos atrás e comparar com os de hoje.

E no meio da busca pela igualdade de gênero na publicidade e no mercado em geral, há a situação da representação da mãe na publicidade. Enquanto vemos a figura do pai como um companheiro para brincadeiras e lazer, a da mãe é representada como uma pessoa onipresente e perfeita que faz de tudo em casa e ainda arruma tempo para trabalhar. Ainda hoje temos esses casos de situações consideradas irreais na publicidade; segundo uma pesquisa realizada pela Babycenter, apenas 15% das mães se sentem representadas em propagandas direcionadas a elas. Por isso existe a necessidade de ver algo diferente, e é no diferente que as marcas irão de destacar. Fugindo desses arquétipos fabricados pelas antigas agências, atualmente vemos muito mais o conceito da Mãe Real, mulheres que são de fato referências em uma realidade condizente com a nossa.

 Nesse ano, fique de olho nas marcas que retratam mães fora dos antigos estereótipos idealizados e que promovam sempre uma mudança positiva para a sociedade, afinal o jeito certo de ser mãe é o seu!

A Dracco deseja um Feliz Dia das Mães para você!